ADUFMS AQUIDAUANA discute instrução normativa sobre atividades presenciais, orçamento da nova sede e eleições em Assembleia Geral

23 mar, 2021 Adufms

ADUFMS AQUIDAUANA discute instrução normativa sobre atividades presenciais, orçamento da nova sede e eleições em Assembleia Geral 

A subseção de Aquidauana da ADUFMS realizou Assembleia Geral para tratar de assuntos urgentes e ordinários e realizar encaminhamentos sobre as questões. A assembleia ocorreu no dia 18 de março às 9h. Após a diretora Ana Paula Archanjo Batarce apresentar uma retrospectiva das ações realizadas pela ADUFMS em 2020 e início de 2021, trouxe aos presentes informações sobre a PEC 186 – Novo desmonte dos Direitos Nacionais. Como resposta, os associados sugeriram a organização de uma Campanha contra a PEC 186 unindo forças com outros sindicatos como o SISTA e o próprio ANDES. 

As duas principais questões discutidas foram a Portaria 1235 e a Instrução Normativa 21 da PROGEP, encaminhadas aos docentes e que dizem respeito ao retorno das atividades presenciais de pesquisa, extensão e administrativas. Vale ressaltar que a esse respeito a diretoria da ADUFMS protocolou junto a reitoria o Ofício 003/2021, notificando-a que na Assembleia Geral realizada no dia 03 março de 2021, os professores votaram com unanimidade para a continuidade do ensino remoto emergencial, ou seja, a realização das atividades de ensino, pesquisa e extensão de forma remota não presencial nas diferentes unidades da UFMS, não reconhecendo o ensino híbrido como um modelo de ensino. 

Sobre a questão, os presentes na  assembleia geral de Aquidauana sugeriram realizar uma solicitação para que a Reitoria modificasse  tanto a Portaria 1235 quanto a Instrução Normativa 21 da PROGEP, devido as ambiguidades encontradas nos documentos e que portanto, trazem insegurança para com os docentes. Nesse sentido a professora Ana Paula Archanjo Batarce, informou que na conversa entre Reitoria e a ADUFMS realizada no dia 17/03/21,conforme reportagem: (https://www.adufms.org.br/noticia/2021/reitor-afirma-que-atividade-presencial-de-docentes-e-permitida-mas-nao-e-uma-exigencia), Marco Aurélio Stefanes pediu ao menos uma nota explicativa, dizendo aos diretores e docentes que a atividade presencial era permitida porém não era uma exigência, e a resposta obtida da gestão foi negativa, e alegaram que estava tudo muito claro na portaria 1235 e na Instrução Normativa 21. 

Outra importante questão encaminhada foi a apresentação dos orçamentos para a construção da Nova Sede da ADUFMS de Aquidauana, elaborados pelo arquiteto responsável Marcos Antonio Micnov. Após algumas considerações o orçamento apresentado foi aprovado. Os presentes votaram por seguir a proposta do projeto arquitetônico já elaborado, da mesma forma, foi composta uma comissão para o acompanhamento da obra. 

Sobre a Eleição ADUFMS Biênio 2021 – 2023, a diretora Ana Paula Batarce esclareceu sobre a abertura para a inscrição das chapas. Ela também ressaltou a importância das eleições para a direção do campus de Aquidauana e a necessidade da ADUFMS organizar um debate virtual entre as candidatas, visando tornar o pleito eleitoral explicitamente democrático, oportunizando aos docentes, técnicos administrativos e estudantes conheceram as candidatas e suas propostas. Para a organização do debate foi definido uma comissão com os professores Edelberto Pauli Junior, Aguinaldo Rodrigues Gomes e Ana Paula Archanjo Batarce.

Compartilhe: