Confira quatro dicas capazes de garantir que seus alunos aprendam com mais satisfação

01 jan, 1970 Adufms

Um dos maiores desafios enfrentados pelos professores é descobrir como tornar as aulas mais interessantes para os alunos. Já há algum tempo o modelo de educação mostra falhas ao atrair a atenção dos jovens, de modo que cada vez mais mestres são obrigados a buscarem soluções inovadoras para transmitir conhecimento com qualidade. Se você faz parte desse grupo, precisa saber que estratégias simples têm o poder de mudar os rumos da sua aula. Confira quatro práticas que vão fazer com que os seus estudantes aprendam com satisfação:


*4 estratégias para que seus estudantes aprendam com satisfação:


-1. Transforme notas em conquistas


Embora sejam um método essencial para avaliação, as notas podem dar aos estudantes a ideia equivocada de que tudo que precisam é alcançar uma meta (a média 7, por exemplo), em vez de se interessarem em aprender, de fato, o que está sendo discutido. Por isso, é importante incentivá-los a alcançar a proficiência nas temáticas abordadas. Isso pode ser feito por meio de medalhas, carimbos ou pequenos prêmios, como um chocolate, por exemplo. Para que o método seja eficiente o professor deve determinar as conquistas a serem alcançadas e fornecer as instruções para tanto.


– 2. Incentive a colaboração


O método de educação tradicional tem como característica o estudo individual. Ainda que existam trabalhos de grupo, a maior parte das atividades é realizada individualmente, em especial as provas. Entretanto, incentivar a colaboração pode impulsionar o desempenho dos seus alunos. Procure ir além dos seminários apresentados em grupo e encontre novas formas de fazê-los colaborar. Por que não permitir que eles compartilhem conhecimentos entre si durante um período determinado de uma prova? Certamente todos se interessarão em aumentar a nota ajudando e recebendo ajuda dos colegas.


– 3. Valorize conhecimento e não informação


Ainda que a informação seja cada vez mais disponível e importante, estudantes precisam menos dela e mais de conhecimento. Por isso, é um erro pedir atividades que possam ser resolvidas com uma simples busca na internet. Procure elaborar tarefas que envolvam o desenvolvimento de novas competências e pensamento crítico, levando-os a pesquisar e estudar o assunto abordado.


– 4. Tire vantagem do inesperado


As aulas são descritas por muitos estudantes como entediantes e rotineiras, o que tira o interesse de qualquer jovem. É claro que é preciso seguir regras para garantir a organização, mas isso não significa que você não possa estabelecer novas normas que tornem a aula mais interessante. Utilizar a surpresa como incentivador é uma estratégia excelente, que faz com que seus estudantes se sintam motivados a apresentarem um bom desempenho. Premie-os em momentos inesperados da aula, utilizando critérios como a sorte e o conhecimento de cada um. Lembre-se apenas de que você precisa ser justo ao oferecer essas surpresas, explicando aos seus alunos todos os critérios utilizados.


Universia Brasil

Compartilhe: