Direção da ADUFMS planeja atos e realização de lives contra a reforma administrativa

09 dez, 2020 Adufms

Professores recebem homenagem em celebração ao centenário de Paulo Freire

Nesta última sexta-feira, 11 de setembro, a diretoria executiva da Adufms se reuniu para, dentre outros temas, discutir propostas de ações de nossa participação nos atos convocados pelas centrais sindicais e diversas entidades do funcionalismo, visando a construção do Dia Nacional de Lutas contra a Reforma Administrativa, previsto para o 30 de setembro.
As análises de conjuntura e do projeto permitem compreender que a Reforma terá resultados devastadores sobre a categoria dos servidores e servidoras públicos/as, especialmente aqueles/as da base, dos cargos menos valorizados material e socialmente, com redução dos salários iniciais, desregulamentação dos contratos pelo aumento generalizado de temporários, via CLT, perda da estabilidade, redução de férias e extinção da licença-prêmio. 

As greves também deverão ser objetos de regulamentação no pacote, diminuindo a prerrogativa de mediação dos sindicatos. Ao mesmo tempo, a reforma protege os altos cargos e poderá constituir uma elite protegida, com possibilidade ampliada de assessores contratados em confiança com altos salários, pois além da ruptura do piso, para rebaixamento, prevê-se a ruptura do teto, para cargos considerados mais importantes. A Reforma também prevê a ampliação dos poderes do Executivo sobre as instituições, sinalizando a possibilidade de extinção de entidades e cargos, por decreto.
Considerando os cuidados a serem tomados em função da pandemia, até para a organização dos atos, que deve ser coletiva, a ideia é promover debates virtuais com a presença de outras entidades, no formato de lives interativas. Primeiramente, a Adufms vislumbra fazer uma primeira live, com outras entidades de trabalhadores/as da Educação Pública do Mato Grosso do Sul e com a presença do DIEESE. Num segundo momento, há ainda a proposta de expandirmos o debate à participação de outras categorias profissionais. 

Os membros da diretoria devem agora enviar os convites para tornar a live possível. Em breve divulgaremos a data e horário, e esperamos que a comunidade participe ativamente desse momento, com propostas e engajamento na live e nos atos que dela resultarão.

Compartilhe: