Estudantes ocupam UFMS em Três Lagoas contra propostas do governo federal

11 abr, 2016 Adufms

Professores recebem homenagem em celebração ao centenário de Paulo Freire






Estudantes ocuparam a Unidade II da UFMS em Três Lagoas às 5h do último dia 2 (Foto: Anderson Santos)

Contra o desmonte na educação em curso no país, estudantes ocuparam na madrugada do ultimo dia 2 a Unidade II do

Campus

de Três Lagoas da Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (CPTL-UFMS). A ocupação foi motivada, principalmente, em reação à Proposta de Emenda à Constituição (PEC 55/2016, antes 241/2016), que congela os investimentos do governo federal em áreas como saúde e educação, que, após aprovação na Câmara Federal, está em tramitação no Senado.

Os/as estudantes repudiam todo processo de ataque do governo à educação, como o Projeto de Lei da Câmara (PLC 54/2016, antes PLP 257) e a reforma do ensino médio, Medida Provisória (MP) 746/2016, entre outras propostas que ferem os direitos sociais. A ocupação representa também uma forma de apoio aos/às estudantes secundaristas que ocupam mais de mil escolas no país, em alguns casos, sofrendo

ação arbitrária

da

Polícia Militar

, como

desocupações imediatas sem qualquer mandado judicial

.

Em Três Lagoas, não houve repressão da segurança do

campus

. A ocupação segue por tempo indeterminado pelas/os alunas/os, com o apoio de professores/as, sindicatos e movimentos sociais.

A

ADUFMS-Sindicato

apoia as/os estudantes que ocupam a UFMS, Unidade II do CPTL, pois acreditamos que com luta conseguiremos vencer as medidas impostas pelo governo federal, que assombram a educação do nosso país.

Nenhum direito a menos!



Assessoria de Imprensa da ADUFMS-Sindicato

Compartilhe: