Festas de dezembro aproximam docentes, técnicos administrativos e terceirizados

12 out, 2014 Adufms

As confraternizações de dezembro têm contribuído para aproximar docentes, técnicos/as administrativos/as e terceirizados/as da Universidade Federal de Mato Grosso do Sul. A presença de centenas de pessoas às festas é prova de que a política de estímulo às relações interpessoais desenvolvida pela

ADUFMS

, gestão

Autonomia Sindical

, tem boa receptividade em todos os

campi

da UFMS.

Em três confraternizações (almoço-churrasco e jantar) já ocorridas neste mês, mais de 370 pessoas confraternizaram em Campo Grande, Chapadão do Sul e Aquidauana. Em Campo Grande a festa aconteceu na sexta-feira 5. Um jantar, ao qual compareceram mais de 220 pessoas entre docentes (aposentados e ativos), parentes e amigos. O diretor de Promoções Sociais, Culturais e Científicas da

ADUFMS

, professor Ronny Machado de Moraes, definiu o sentido da confraternização em Campo Grande. “Foi um momento de encontrar os amigos. Eu avalio positivamente a festa pelo número de professores que estiveram presentes. Foi um momento de encontro.”

Em Chapadão do Sul cerca de 50 pessoas estiveram no almoço-churrasco promovido no domingo 7 pela

ADUFMS-Sindical

em parceria com a Associação Recreativa dos Servidores da Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (Assufms). A festa, com direito a uma pelada futebolística, reuniu não só docentes e familiares, mas também técnicos/as administrativos/as da Federal de Mato Grosso do Sul,

Campus

de Chapadão do Sul (CPCS), acompanhados de familiares e amigos. O professor do CPCS, Paulo Carteri Coradi, destacou a confraternização como importante iniciativa de estreitar as relações entre docentes, técnicos/as administrativos/as, familiares, amigos e amigas. “Ótimo! É o momento muito oportuno, em que a gente consegue reunir todos os servidores. Valeu a pena!”

No

Campus

de Aquidauana (CPAQ), cerca de 100 pessoas (professoras, professores, técnicas/os administrativas/os, trabalhadoras e trabalhadores terceirizadas/os) confraternizaram com churrasco e música ao vivo. Uma banda tocou ritmos dançantes. A exemplo de Chapadão, a festa aconteceu no domingo 7. O churrasco com muitas canções foi promovido pela

ADUFMS

em conjunto com a Assufms e o Sindicato dos Trabalhadores em Educação da Fundação Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (Sista-MS). Houve até distribuição de prêmios. “O evento cumpriu com a sua função de congregar a comunidade (técnicos/as administrativos/as, professores/as) e também trabalhadores/as terceirizados/as. Todo mundo festejando”, avaliou o professor Edelberto Pauli Júnior.

As festas organizadas pela ADUFMS-Sindical visam a amenizar a dispersão alienante do dia a dia de trabalhadores e trabalhadoras na Federal de Mato Grosso do Sul.  “Várias pessoas comentaram que na Universidade falta espaço de confraternização, de diálogo. Manifestaram-se no sentido de conversar mais com os colegas. No geral, as pessoas gostaram”, observou o diretor-financeiro do Sindicato, professor Marco Aurélio Stefanes.






Assessoria de Imprensa da ADUFMS-Sindical

Compartilhe: