Nota de Solidariedade ao Professor Henrique Novaes, docente da Unesp-Marília

11 dez, 2020 Adufms

A Seção Sindical dos Docentes da Universidade Federal do Mato Grosso do Sul – ADUFMS-SS, vem à público demonstrar solidariedade ao Professor Henrique Tahan Novaes, docente dos cursos de graduação em pedagogia, licenciatura em ciências sociais e da pós-graduação em Educação da Unesp/FFC/Marília, em virtude de o mesmo estar sendo submetido a um processo de sindicância aberto pela administração da Unesp/Marília a partir de alegações de que o mesmo teria agido politicamente durante a consulta acadêmica em 2020 para escolha da chapa a assumir a direção do Campus. 

O professor Henrique Tahan Novaes, enquanto presidente da ADUNESP da seção sindical de Marília, foi convocado para compor a comissão eleitoral responsável por dar andamento à consulta acadêmica. Sabe-se também que, pela trajetória profissional deste professor e de seu compromisso com uma universidade extensionista, seu apoio pendia para uma chapa concorrente à que se sagrou eleita pela referida consulta. Em ato de retaliação e intimidação do servidor, submetido a assédio moral e constrangimento, a direção de Campus assumiu a postura de perseguir politicamente um intelectual cujo currículo consolida uma grande produção tanto teórica quanto prática de ampla e profunda contribuição, inclusive levando o nome da Unesp/Marília a patamares internacionais. 

É em solidariedade ao professor Henrique Tahan Novaes que assinamos o repúdio a qualquer ato administrativo da direção de Campus da Unesp/Marília que visa perseguir, intimidar e punir um servidor docente em razão de sua liberdade de expressão e escolha política. 

Prof. Marco Aurélio Stefanes

Presidente da ADUFMS

Compartilhe: