Adufms integra ato pelo Estado democrático de Direito na quinta

08 ago, 2022 Adufms

Professores recebem homenagem em celebração ao centenário de Paulo Freire

A Adufms é uma das entidades que participarão, na próxima quinta-feira (11 de agosto), do ato público Estado de Direito Sempre, na sede da ACP (Associação Campo-Grandense dos Profissionais da Educação Pública), a partir das 11h. Com mobilização nacional iniciada pela Faculdade de Direito da USP, o movimento redigiu uma carta à população, em defesa das instituições democráticas e das urnas eletrônicas. No âmbito estadual, a mobilização foi convocada pelo Sindjor/MS (Sindicato dos Jornalistas Profissionais de Mato Grosso do Sul).

Confira a nota do Sindjor:

O Sindjor/MS aderiu ao movimento desencadeado pela Faculdade de Direito da USP e conclama entidades a aderirem à Carta às brasileiras e brasileiros em defesa do Estado Democrático de Direito. Trata-se de um movimento apartidário, repetindo ato iniciado na mesma Faculdade em 1977, em plena ditadura, resgatado em um momento crucial, em que vemos pilares da democracia sendo atacados diuturnamente.

Estado de Direito Sempre, a palavra de ordem do movimento, é o que defendem todos que acreditam na Democracia como o ambiente que cria condições mais adequadas para o debate de ideias, a defesa do desenvolvimento econômico, inclusão, liberdade e direitos fundamentais, como consta na Constituição Federal de 1988.

Causa estranheza a insistente campanha contra as urnas eletrônicas, colocando em xeque o elogiado e consolidado sistema de votação brasileiro sem que sejam apresentadas quaisquer provas de vulnerabilidade. Igualmente não se compreende os ataques aos Tribunais Superiores (STF e TSE), que têm a função de zelar e conduzir o processo eleitoral no Brasil.

Assim, conclamamos a sociedade, as entidades de classe, entidades civis, todos que defendem que o Brasil não se afaste dos ideais democráticos e os avanços civilizatórios que o País alcançou. Dia 11 de agosto, às 11 horas do horário de Brasília, haverá atos em todos os estados e Mato Grosso do Sul não pode ficar de fora. Faremos nosso ato às 10h na sede da ACP (Rua Sete de Setembro 693).

O voto popular e as eleições limpas e livres precisam ser respeitados e é dever de cada um defender a democracia e a prevalência do desejo da maioria. Contamos com seu apoio nesta causa.

Participe do ato dia 11 na ACP, divulgue a Carta, assine-a no site:

estadodedireitosempre.com/

Compartilhe: